Trabalhar a marca: a grande lacuna na comunicação B2B

Se no grande consumo é difícil encontrar produtos e serviços que não sigam uma lógica de marca, no B2B muitas empresas ainda não se preocupam em ter marcas fortes. Com isso, correm um grande risco e perdem uma grande oportunidade . Neste episódio desconstruímos alguns mitos sobre as marcas business-to-business e descobrimos  os ingredientes de uma marca B2B forte.

 

Construir marcas, no business-to-business, será menos importante do que no grande consumo?

Para responder à pergunta, Jayme Kopke  aprofunda o significado da própria palavra “marca”. Será o mesmo que um nome e uma identidade visual? Qual a relação entre a marca e a reputação?

Entendidas algumas das dimensões das marcas, porque é que elas são tão mais raras no universo B2B? Parte da resposta pode estar em alguns mitos, que este episódio desmonta.

 

 

Livros citados no episódio:

Criando e Administrando Marcas De Sucesso de David Aaker;

As Marcas, Capital da Empresa de Jean-Noel Kapferer.

The Case for B2B Branding de Bob Lamons;

B2B Brand Management de Waldemar Pfoertsch e Philip Kotler.

 

Se gostar, subscreva. Partilhe. Deixe a sua review.

Também agradecemos os seus comentários e sugestões de temas ou convidados.

Para saber mais sobre marketing e comunicação business-to-business subscreva a newsletter da Hamlet – Universidade B2B.

Continue a acompanhar a Hamlet em hamlet.com.pt. Siga-nos também no LinkedIn, no Facebook e no Youtube.

 

Quer melhorar a comunicação digital da sua empresa? Peça-nos um Diagnóstico da Sua Comunicação Digital e terá um relatório detalhado sobre a maneira como a sua empresa está a tirar partido do marketing online.

CATEGORIAS:
Business to business, Comunicação de marketing, Marketing B2B, Marketing Digital, Podcast